Edgar Morin no SESC







Compilei algumas frases da palestra ontem ( online), foi muito especial escutar Edgar Morin com quase 91 anos discursando com tanta lucidez e esperança.

“Para compreender o fenômeno humano precisamos entender a Unidade e a Diversidade. Existe uma unidade fundamental, somos todos parecidos, todos humanos, mas não somos idênticos, o que nos diferencia é a cultura, é a música, as artes, as técnicas.Não conhecemos a música em si, mas as diferentes músicas das variadas culturas.” Edgar Morin

“Todos os começos podem ser modestos, mesmo a Ciência Moderna. Não é porque não vemos uma mudança agora , é que ela não acontecerá…”Edgar Morin

“Existem forças subterrâneas nas profundezas das sociedades….Aquilo que parece improvável pode acontecer…”Edgar Morin

“Será que precisamos mudar as estruturas ou mudar a nós mesmos?Vamos começar as mudanças por nós mesmos ou vamos esperar a mudança da sociedade?É preciso que as mudanças aconteçam nas sociedades e em nós. As reformas devem acontecer juntas. Temos um sonho de uma sociedade justa, harmoniosa, de liberdade, do socialismo, do comum.” Edgar Morin

“O que eu posso fazer? Posso trabalhar para reconstruir, posso agir de acordo com minhas esperanças, eu posso agir pela causa da humanidade. Preciso lutar contra a injustiça, contra a barbárie.

O que posso fazer? Posso acreditar nas melhores coisas: na bondade,na amizade, no amor e no altruísmo.” Edgar Morin

“A internet não substituí a figura do professor. É o contato com o mestre, sua paixão, o contato afetivo, que permite transmitir pela emoção e que pode insuflar o que existe de melhor nesse aluno.” Edgar Morin

“Não se sintam derrotados, vocês tem uma causa justa para lutar.”Edgar Morin

‎”As jovens passam por uma domesticação sociológica, o que adormece as suas capacidades criadoras.” Edgar Morin

“A arte pode fornecer modelos pode atuar no espaço onde a filosofia e a teoria parecem ter fracassado.” Edgar Morin

“Não se pode eliminar a prosa, mas é preciso desenvolver um pensamento poético sobre a vida.” Edgar Morin


“Estou convencido que a vida tem a polaridade da prosa (obrigação) e da poesia. A poesia é que nos faz viver os encontros, os afetos, preciso desenvolver a parte poética da vida. A tragédia é que muitos tem pouca poesia na vida.” Edgar Morin


Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: