Manual de Libras para Ciências

Manual de libras para ciências: a célula e o corpo humano

Bruno Iles, Taiane Maria de Oliveira, Rosemary Meneses dos Santos, Jesus Rodrigues Lemos (orgs.) – Download

SEUDI

Recontar a história da diversidade e instigar reflexões acerca do assunto. Esse é o intuito do VII Seminário Educação, Universidade, Diversidade e Inclusão (SEUDI), organizado pelo campus Paranaguá da Universidade Estadual do Paraná (Unespar). Neste ano, devido ao isolamento social em virtude da pandemia do COVID-19, o evento será transmitido online, no canal do campus Paranaguá no YouTube.

CLIQUE AQUI PARA REALIZAR SUA INSCRIÇÃO

A ação é desenvolvida no âmbito do Núcleo de Educação Especial e Inclusiva (Nespi), vinculado às ações afirmativas do Centro de Educação em Direitos Humanos (CEDH). A responsável pelo evento e coordenadora do Nespi do campus Paranaguá, professora Roseneide Batista Cirino, explica que o SEUDI é um evento anual, já agendado no calendário escolar. “O SEUDI se propõe a discutir a inclusão da pessoa com deficiência no processo educacional-escolar, tanto no Ensino Superior como na Educação Básica”, salienta.

Ela explica que, todos os anos, o SEUDI tem a participação de professores da Educação Básica e alunos dos nossos cursos para pensar e refletir sobre essas temáticas, e propiciar processos de formação. Neste ano, o alcance será ampliado com as atividades online.

O VII SEUDI acontece de 24 a 28 de agosto e terá certificado de 20 horas. A programação conta com nomes de diversas instituições.

CLIQUE AQUI PARA ASSISTIR AO EVENTO

26/08

16 às 18 horas:

Gestão escolar e o papel professor frente aos desafios da inclusão escolar – Elizabeth Regina Streisky de Farias

Inclusão e Formação de professores no ensino superior – Gilmar de Carvalho Cruz

19 às 21 horas:

Inclusão no Ensino Superior – Roseneide M Batista Cirino

Experiências de Inclusão no Ensino Superior – Noemi Nascimento Ansay

Quem é Kaê Guajajara ?

Um curta-metragem feito coletivamente pela equipe da Azuruhu, onde gostaríamos de mostrar de onde vem a força do canto de Kaê Guajajara, quem é essa mulher que promove tantas coisas em prol dos povos originários e nos arrebata com sua voz.
Toda terra é indígena, Mirinzal é terra indígena, Rio de Janeiro é terra indígena!

Kaê guajajara: Sou o oitavo dia

Direção:
Nicolle Nascimento

Produção: Azuruhu

Filmagens:
Nicolle Nascimento
Lennyn Wilson
Rodrigo Costa

Edição/trilha sonora:
Nicolle Nascimento

Making off:
Abimael Salinas

Participação especial:
Valdilene Guajajara
Alana Guajajara
Diana Guajajara

Áudios:
Potira Krikati Guajajara
Valdilene Guajajara
Cacique Lamartine Araújo
Júlia Xavante

Roteiro:
Azuruhu

Nos sigam no Instagram e fique por dentro de outras artes:
@azuruhu

Site no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: